Área de Assinantes
Pesquisa:
Assine o jornal centenário Notícias dos Arcos
RSS
Secções
Edição de 23-06-2022

Arquivo: Edição de 10-12-2009

Opinião

A Residência Sazonal na Serra do Soajo: o caso específico da aldeia da Gavieira (V )
José Pinto

Comentários
Quentes e Boas...
Amândio Peixoto

Sonhos do Luizinho
Ana Cardinaux

À Vez
IMI pelos valores mínimos
Fernando Fonseca - CDS-PP

A CORRUPÇÃO
Mário Vasconcelos Muito se tem falado, nos últimos tempos, de corrupção. A comunicação social vai-nos dando conta de diversos casos escandalosos que mostram como esta praga se instalou no nosso país. Neste artigo vamos abordar um pouco este tema.

O Ministério Público, junto do Tribunal de Soajo, foi autor destes "autos crimes de morte"
Jorge Lage Um dos propósitos que determina a feitura de artigos com estes conteúdos é além do mais, como referi, tentar transparecer que na Vila de Soajo esteve sedeado um tribunal judicial comum (ordinário) de primeira instância. A sua categoria foi desde a época medieval, igual à dos tribunais de Ponte da Barca (Nóbrega), Arcos (Valdevez), Melgaço, Cerveira, Monção, etc. O Julgado de Arcos de Valdevez, só poucos anos antes de 1842, é que passara por reforma judicial a comarca, agrupando nesta, entre outros, os Julgados da Barca e Soajo. Anteriormente o Julgado de Soajo pertenceu às comarcas de Ponte de Lima e Viana, bem como o dos Arcos. Mas estas comarcas não tiveram nível forense superior a primeira instância, embora fossem mais qualificadas para julgar determinadas causas, por disporem de juízes de direito nomeados. Os juízes ordinários dos Julgados eram escolhidos em eleições, mas sujeitos à aprovação dos corregedores.

CRÓNICA
Fecha os olhos
Maria Paula T. Q. Barros Pinto Fecha os olhos. Sim, com força. Agora deixa-te ir. Sentes-te leve, leve, cada vez mais leve e começas a flutuar. E quase sem dar por isso apercebeste-te de que podes voar. Apanhas um susto tão grande que abres os olhos e cais com estrondo no chão duro. Tens de recomeçar tudo outra vez.

(C) 2007 Notícias dos Arcos | Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.